Novo malware enviado pelo Messenger do Facebook já chegou no Brasil

8798
0
Share:

Pesquisadores da Kaspersky Lab identificaram uma nova praga virtual que usa o Facebook Messenger para distribuir adware, que exibe uma grande quantidade de anúncios sem a permissão do usuário.

O Facebook Messenger está a ser utilizado numa campanha de difusão de adware, um tipo de malware que força a apresentação de publicidade que é monetizada pelo(s) autor(es) da aplicação maliciosa, e que afeta os utilizadores de Linux, macOS e Windows.

Os primeiros casos do malware foram observados no início de agosto, e os ataques foram direcionados para usuários na Rússia e na América Latina, principalmente de países como Brasil, Equador, Peru e México.

Por meio de uma suposta mensagem de um dos amigos da rede social, o usuário é enganado para clicar em um link que leva a um Google Doc. Ao abrir o documento, ele leva a uma foto do perfil do Facebook da vítima e cria uma página de destino que parece ser um vídeo. Quando tenta reproduzir o vídeo, o malware redireciona para um conjunto de sites que analisam o navegador, o sistema operacional e outras informações pessoais do usuário.

A investigação atual não sugere que nenhum malware, como trojans ou exploits, seja baixado nos dispositivos. No entanto, os cibercriminosos por trás desse ataque provavelmente ganharão dinheiro com publicidade não solicitada e acesso a muitas contas do Facebook.

A Kaspersky recomenda estar alerta e não clicar em links suspeitos. Além disso, é sempre recomendável a instalação de um software antivirus confiável que possa impedir a infecção de seus dispositivos.


Share:

Leave a reply